Empresário acusado de fraude milionária na Caixa ameça contar tudo que sabe


Redação
jornalismo@cearanews7.com.br
Compartilhar no Facebook  Compartilhar isto em Twitter Enviar por e-mail
O empresário Ricardo Alves Carneiro, preso durante a 'Operação Fidúcia' da Polícia Federal, que investiga fraudes em contratos da Caixa Econômica Federal, ameaça contar em delação premiada, quem estaria envolvido no desvio de quase R$ 100 milhões do banco.

Segundo investigações da PF, o empresário teria criado empresas de 'fachada' no ramo da construção civil para contrair financiamento e empréstimos bancários da Caixa. Por conta disso, vários funcionários da instituição acabaram sendo envolvidos, entre eles, Antonio Carlos Franci, superintendente local da CEF.

Também estão entre os presos na operação da PF dois irmãos de Ricardo Carneiro. São eles, Diego Pinheiro Carneiro e Fernando Hélio Alves Carneiro. Assim como Ricardo, eles falsificaram diversos documentos. A ameaça de contar tudo teria sido divulgada após Ricardo saber que poderia ser transferido para presidio.

Fonte : Ceará News 
share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013