Eunício critica cancelamento de refinaria e quer responsabilização de gestores

O senador Eunício Oliveira (PMDB) criticou a desistência da Petrobras na instalação da Refinaria Premium II no Ceará. O peemedebista afirmou que o equipamento foi usado “como moeda política nas eleições de 2014″, quando disputou o governo contra Camilo Santana (PT), apadrinhado do ex-governador Cid Gomes (Pros)

O senador ainda pediu a responsabilização de gestores sejam responsabilizados pelo investimento perdido. “Avalio que todos os autores dessas façanhas devem vir à público dar as devidas explicações e sejam responsabilizados”. Entre 2009 e 2014, o Ceará investiu R$ 657 milhões em infraestrutura para receber "uma refinaria que virou pó".
Fonte: Ceará News 7
share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013