Polícia Federal no Ceará apreende material com difamação a candidato

Jornais com difamação a candidatos foram apreendidos (Foto: PF/Divulgação)Jornais com difamação a candidatos foram
apreendidos (Foto: PF/Divulgação)

Polícia apreendeu material com grupo de 6 pessoas, sendo 3 menores.
Coligações negam autoria de difamações mútuas na campanha


A Polícia Federal no Ceará abordou nesta quarta-feira (22) três homens e três adolescentes distribuindo material ofensivo contra um dos candidato a governador do Ceará, não identificado pelo órgão. Na manhã desta quarta-feira, a Polícia Federal havia apreendido também material com conteúdo ofensivo contra Eunício Oliveira (PMDB). Eunício Oliveira disputa o cargo de governador do Ceará com o candidato do PT, Camilo Santana.
De acordo com a Polícia Federal, o grupo visto nesta quarta tinha em posse três caixas com 1.690 panfletos e seis fardos de jornal.  “Haja vista a possível prática de crime contra a honra”, diz o órgão. O material e todos os envolvidos foram ouvidos em termos de declarações e liberados seguida, “uma vez que não havia situação de flagrante”.
Os termos de declarações, autos de apreensão e o material apreendido foram encaminhados à Justiça Eleitoral para análise, de acordo com policiais federais.
Até o primeiro turno das eleições, o Tribunal Regional Eleitoral do Ceará recebeu 1703 denúncias de propaganda eleitoral irregular. Os pedidos para averiguar propagandas irregulares podem ser feitas pelo número de telefone 148.
As pinturas em muro representam o maior número de reclamações. Há também denúncias por carros de som, propaganda em rádio, uso indevido de banners e cartazes.
Fonte:DN
share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013