QUIXADÁ - MULHER É FLAGRADA TENTANDO ENTRAR NA CADEIA PÚBLICA COM CELULAR NAS PARTES INTIMAS

Foto: Divulgação/RC
O diretor prometeu não medir esforços para que drogas e celulares sejam impedidos de entrar no presídio.
A nova direção da Cadeia Pública da cidade de Quixadá, no Sertão Central cearense, tem buscado impedir e retirar celulares e drogas nesta unidade prisional. A equipe liderada pelo diretor Mário Sérgio está a cada dia mais atento.
Durante a tarde desta quarta-feira, 30,uma mulher foi flagrada por uma agente penitenciaria com um celular introduzido em seu ânus. Conforme Mário Sérgio, a mulher é esposa de um traficante preso na unidade. “Ela estava recentemente fazendo um abaixo-assinado para me tirar da direção após as nossas ações de combate”, informou.
A mulher negou que estava com algum objeto nas partes intimas, em seguida, ao ser levada para o Hospital Dr. Eudásio Barroso foi feito um raio-X, sendo constatada que ela estava com o celular introduzido.
A flagrada resolveu retirar o objeto no banheiro da Delegacia Regional de Polícia Civil de Quixadá.
Dando continuidade às ações, durante a noite, houve uma briga generalizada na cela da triagem que fica na parte de cima da Cadeia. O detento Mairton Alves Ferreira, 26 anos, foi lesionado pelos companheiros de cela, Gilberto Morais da Silva, Ronielson Braz Ferreira, 23, Jeferson Menezes Moura, 18, Luis Nogueira de Sousa Neto, 19.
Segundo relatou a vitima, os acusados lhe agrediram com vários socos. Após contornar a situação no local, foi efetuada uma vistoria na cela, onde foi encontrado: 15 gramas de maconha, 12 aparelhos de celulares.
O diretor prometeu não medir esforços para que drogas e celulares sejam impedidos de entrar no presídio.

Fonte: Revista Central
Vejam mais:
 
Fotos: Divulgação/Revista Central
share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013