Varjota: Rosa Cândida está entre os 30 melhores prefeitos do Brasil e é premiada

O município de Varjota é destaque nacional, através da administração "Cidade de Todos, da prefeita Rosa Cândida (PMDB), que neste primeiro ano de seu segundo mandato à frente da gestão pública municipal foi escolhida como uma  dos 30 melhores gestores do país e, por isso, vai receber o Prêmio JK (Juscelino Kubitscheck) de Excelência Administrativa, no 10º Congresso Nacional de Prefeitos, que escolhe os 30 melhores prefeitos do Brasil.

A entrega do prêmio vai ocorrer nos dias 18, 19 e 20 de novembro na Costa do Sauípe, na Bahia. Rosa Cândida vai receber o prêmio por mostrar uma gestão compromissada, atendendo sempre as necessidades daqueles que mais precisam e de forma transparente e honesta, e agora leva o nome do município a nível nacional em "Excelência Administrativa".
Na ocasião, os prefeitos também participarão de palestras, Fórum de ideias e jantares de negócios, que proporcionará aos congressistas uma troca de informações e conhecimentos e experiências na área da administração pública.

Segundo Rosa, "receber essas premiações demonstra o reconhecimento de uma administração planejada desde nossa primeira gestão (2009-2012) e que estamos dando continuidade e graças a Deus e a uma equipe capacitada e o nosso compromisso em fazer nosso trabalho pelos que mais precisam é que nos dar uma responsabilidade muito maior a partir do momento em que as pessoas confiam no nosso trabalho e essas entidades reconhecem que o que estamos fazendo é em prol da comunidade e do povo", frisou Rosa Cândida.
A 10ª edição do evento é uma realização da Premium Brasil Congressos e Eventos Nacionais. A escolha dos trinta melhores gestores municipais, segundo a instituição, levou cerca de seis meses de profundos estudos e pesquisas, onde o desenvolvimento do município, projetos e investimentos foram analisados. O Instituto avaliou a gestão de Rosa no foco das ações das Secretarias de Saúde, Educação e Assistência Social.

Prêmio JK "Juscelino Kubitschek"

A posição do prefeito (a) como chefe do executivo lhe dá um papel de grande relevo na condução dos negócios do município e na comunidade local. 
Amplas são suas atribuições e grandes, portanto, suas responsabilidades, tanto do ponto de vista legal, como pelo fato de que é o principal depositário da confiança popular para a solução dos problemas do município.

Como chefe do executivo, o prefeito tem funções políticas, executivas e administrativas. A importância dessas funções e, portanto, do papel do prefeito resulta do fato de que ele não é apenas um funcionário, mas um agente político responsável pelo ramo executivo de uma unidade de governo autônoma – o município. Como tal, o prefeito não é subordinado à outra autoridade, apenas à lei.
Acatará a lei e os mandados judiciais, como qualquer autoridade e qualquer pessoa.

Com base nestes princípios e visando reconhecer o árduo trabalho exercido por diversos gestores em todo o Brasil, foi criado o Congresso Nacional de Prefeitos que se encontra em sua 10ª edição e como forma de premiar os melhores prefeitos, foi instituído o Premio JK "Juscelino Kubitschek".

A instituição divulgou os critérios e o modo da pesquisa.

Os critérios utilizados para pesquisa são:

-Medidas que demonstrem sensibilidade e compromisso com metas assumidas de desenvolvimento sustentável e proteção ao meio ambiente.
-Empreendedorismo e dinamismo na adoção de medidas orçamentárias participativas.
-Resultados expressivos e gerenciamento estratégico, com adoção de boas praticas.
-Implantação de programas de capacitação.
-Elaboração de redes de proteção social.
-Ação efetiva de controle de gastos e transparência na aplicação dos recursos.
-Controle efetivo para a redução da mortalidade infantil e dedicação a saúde pública.
-Cumprir a lei de responsabilidade fiscal.
-Vocação educadora da administração no município.
-Executar metas nas áreas de saúde e educação.

Modo de Pesquisa:

-Fontes associadas a administração pública municipal, estadual e federal.
-Paginas Abertas de web governamentais.
-Tribunal de contas do estado.
-Portal da transparência.
-Publicação nos principais meios de comunicação (TVs, Rádios, jornais, web sites, blogs, entre outros.
Fonte: Assessoria de Comunicação do município Via Roberto Lira
share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013