Implantação de identificação biométrica deve recadastrar 436 mil eleitores cearenses em 2013

Em 2013, a Justiça Eleitoral realiza a terceira fase do Programa de Identificação Biométrica do Eleitor e deve provocar o recadastro de 436.113 eleitores de 7 municípios cearenses. São eles: Alcântaras, Aquiraz, Crateús, Forquilha, Ipaporanga, Juazeiro do Norte e Sobral. O programa tem como objetivo garantir mais segurança às eleições brasileiras e deve cadastrar mais de 16 milhões de eleitores em 2013.

A meta, segundo a Justiça Eleitoral, é que, somando o número de eleitores que já utilizam essa tecnologia aos cadastrados este ano, cerca de 23,7 milhões de eleitores de todos os 26 Estados do país e do Distrito Federal votem através de identificação biométrica em 2014.

Por meio da biometria, o mesário identifica o eleitor após comparar as impressões digitaisdeste com as digitais previamente cadastradas no banco de dados da Justiça Eleitoral e inseridas na urna eletrônica, impedindo que uma pessoa tente se passar por outra no momento da identificação.

No total, o processo de recadastramento é realizado em 200 cidades de 21 estados. A conclusão do processo de recadastramento em todo país está prevista para 2018. O sistema foi testado anteriormente pela Justiça eleitoral em alguns municípios brasileiros durante as eleições de 2008, 2010 e 2012.

25 a 30 eleitores devem ser cadastrados por dia

A Justiça Eleitoral conta, atualmente, com cerca de 4 mil kits biométricos para atender a todos os Estados que farão o recadastramento. Cada kit é composto de dispositivo de captura de foto, scanner para captura de digitais, maleta de transporte e cenário (mini-estúdio fotográfico com assento).

De acordo com a Justiça Eleitoral, com apenas um kit biométrico o servidor da Justiça Eleitoral treinado consegue cadastrar, em média, 25 a 30 eleitores por dia.

Fonte: Diário do Nordeste 
share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013