VARJOTA: Homem é lesionado a faca, não resiste e morre em Sobral


O fato ocorreu na tarde desta sexta (15/02/13), por volta das 17h00, na rua Delmiro Golveia, bairro Pedreiras, em Varjota. O acusado foi o agricultor João Batista de Melo, vulgo João Mãozinha (fotos), 48 anos, solteiro, natural de Reriutaba, residente no endereço da ocorrência. Em entrevista ao site Roberto Lira Notícias, ele confessou que efetuou uma perfuração a faca na pessoa de nome Francisco Rodrigues Pires, mais conhecido como Caburé, 52 anos, também morador da rua Delmiro Gouveia. A facada foi profunda e a vítima foi socorrida as pressas para Sobral, onde faleceu nas últimas horas, não resistindo a gravidade da lesão. 
O acusado foi preso em flagrante e autuado por tentativa de homicídio, porque no momento em que foi processado, a vítima ainda não havia falecido. Mas a partir do falecimento, João Mãozinha passa a responder pelo próprio homicídio.
Na entrevista, na Cadeia de Varjota, o acusado com sintomas de embriaguez disse que lewsionou a vítima porque foi agredido. Mas há uma outra versão que da conta de que o criminoso estava caído, bêbado e a vítima simplesmente teria tentado ajudá-lo e a recompensa teria sido a grave lesão que resultou em sua morte.

Mais detalhes sobre o caso a qualquer momento aqui e no Jornal Regional da FM 98 de Varjota nesta segunda (18), às 12h00 (meio-dia), inclusive com a entrevista com o acusado e com o comandante da Força Tática, sargento B Sousa, com transmissão ao vivo aqui pelo site Roberto Lira Notícias.

Fonte: RobertoLiraNotícias
share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013