SOBRAL-CE - ACUSADO DOS CRIMES DAS GAROTAS, CONFESSOU TUDO (MAIS FOTOS DAS VITIMAS)




CRIME_DAS_GAROTAS_cpiaNa manhã de hoje sexta-feira 13, confirmado o assassino dos crimes das garotas. Depois de uma investigação envolvendo Polícia Civil e Militar, foi chegado ao autor dos crimes das garotas. O acusado é o homem de nome Antônio Edson Rufino Sampaio de 30 anos, natural de Uruoca, residente na rua Eliza Castro Silva, bairro Terrenos Novos em Sobral-Ce. Segundo o Delegado de Polícia Civil, Dr. Herbete, depois de muita resistência do acusado em negar os crimes, no dia de hoje, ele confessou os dois crimes com riquezas de detalhes. Segundo o Delegado que estava preocupado em que não acontecesse o terceiro caso, disse que o acusado Antônio Edson Rufino Sampaio de 30 anos, natural de Uruoca, residente na rua Eliza Castro Silva, bairro Terrenos Novos em Sobral-Ce, falou que já estava a procura da terceira vítima, disse também que tem um impulso incontrolável e estava preparado para dia 14, amanhã, fazer a próxima vítima. Quando colocava a faca na cintura, se transformava, disse ele. A primeira garota, a Núbia, foi abordada defronte ao IBAMA no bairro do Junco, onde ela estava com uma outra garota de nome Tiele, momento que o acusado perguntou qual das duas ia com ele, sendo escolhida a Núbia. Ele a levou para o bairro Renato Parente, onde ele estava construindo uma casa no local, ele é servente de pedreiro, no canto do muro, quando ela desceu a roupa, ele chegou por trás de uma forma sutil, deu uma gravata, golpe sufocante com o braço em volta do pescoço da vítima, fazendo assim a mesma ficar desacordada e nesse momento, ele foi até a moto onde ele tinha deixado a faca, tirou da bainha e cortou o pescoço da mesma. Ele falou ainda, que não tinha nem uma atração sexual pelas vítimas. Toda investigação começou com o depoimento da outra garota Tiele que estava com a vítima. A outra garota, foi abordada nas proximidades da Grendene 2, e levou a mesma para o Junco para trás de muro de uma igreja e agiu do mesmo jeito. O delegado disse ainda que ele falou que o desejo que tinha era só de matar, não tinha desejo sexual e não usou nem uma delas. Agora ele fica a disposição da Justiça. Foi um trabalho conjunto da Polícia Civil e Militar, disse o Delegado Dr. Herbete.
SAMILE E NÚBIA
Desktop

share

0 comentários

Comente Agora

Varjota em Rede - 2013